casas inteligentes

Casas inteligentes: descubra como será o futuro da sua casa

O futuro está à porta e rapidamente a entrar pela casa adentro com tecnologia de ponta que, com um smartphone nas mãos ou uma coluna de som à distância da voz, nos vai permitir gerir e assegurar o conforto e a segurança da nossa casa inteligente – isto tudo a partir de qualquer lugar e com um simples clique. 

casas inteligentes

O que é uma casa inteligente?

Uma casa inteligente tem como principal pilar a tecnologia smart house ou domótica – onde casa, robótica e novas tecnologias juntam-se para permitir que uma grande variedade de recursos e confortos domésticos, como iluminação, estores, aquecimento central, ar condicionado, câmaras de vigilância, pequenos e grandes eletrodomésticos, possam ser facilmente acionados, desligados e programados a partir de um toque no smartphone ou um comando de voz. 

casas inteligentes

A nossa casa, cada vez mais nossa 

Tudo começa com um hub

Para que se possa transformar uma casa convencional numa casa inteligente, é necessário que todos os equipamentos domésticos estejam ligados entre si e à Internet – a esta comunicação entre todos, com a transmissão de informações importantes e consequentes comandos, chama-se a Internet das Coisas (Internet of Things – IoT).

CONFORAMA - PT - Quer renovar a sua sala de estar? Aquí estao as últimas tendencias

Para poder automatizar toda a casa e colocar essa gestão na ponta dos dedos ou da voz de quem lá vive, é preciso ligar todos os equipamentos a um dispositivo central – o hub. Atualmente, existem inúmeros hubs e assistentes de voz no mercado, de marcas conceituadas e de marcas menos conhecidas, com funcionalidades e preços para todos os gostos. 

casas inteligentes

Já imaginou controlar a casa de forma inteligente? 

Casas inteligentes: vantagens e desvantagens

Não é uma questão de quando, é uma questão de quão depressa se vai aderir à ideia e à utilidade de ter uma casa inteligente que se adapta às nossas necessidades e estilo de vida – não há melhor forma de pôr a nossa casa a trabalhar eficientemente para nós. E como tudo aquilo que está relacionado com grandes transformações, também as casas inteligentes têm as suas vantagens e desvantagens. Começando pelas desvantagens, podemos falar essencialmente em duas: o investimento financeiro nos equipamentos necessários e o investimento de tempo na aprendizagem e configuração destes dispositivos inteligentes. 

Acredita-se que este investimento inicial trará um grande retorno, até porque as vantagens das casas inteligentes são mais do que muitas: apresenta desde logo grandes poupanças, uma vez que é possível desligar luzes e aparelhos que não estão a ser utilizados (mesmo que já tenha saído de casa!) e programar eletrodomésticos para funcionarem durante os horários energéticos mais económicos; em termos de conforto, permite acionar o ar condicionado para que quando chega a casa num dia quente de verão, esteja um ambiente fresco ou então acionar o aquecimento central para que quando se levantar de manhã a casa esteja quente; em termos de segurança permite visualizar animais de estimação, adolescentes ou idosos que possam estar em casa sozinhos; ao mesmo tempo que permite, por exemplo, abrir e fechar estores quando estamos fora do país, dando assim a sensação que a casa não está vazia. 

casas inteligentes

Uma casa inteligente é uma casa do futuro

Uma casa confortável e segura, bonita e inteligente – que mais podemos pedir ao nosso lar, doce lar?

 

CFR - PT - POST - Ebook 1 - Tendências, estilos e cores

About Post Author