var ajaxurl = 'https://www.conforama.pt/blog/wp-admin/admin-ajax.php';var themecolor='#38a4b4'; Como escolher o aquecedor mais económico para casa

Como escolher o aquecedor mais económico para ter em casa

Não falta muito para os dias começarem a arrefecer. À descida das temperaturas associa-se a vontade de passar mais tempo em casa. Assim, é importante que o nosso lar seja um local aconchegante. Nesse sentido, muitos de nós recorrem a aquecedores, um investimento a longo prazo. Mas, afinal, qual é o aquecedor mais económico?

aquecedor mais economico sala

A sala pode ser dos locais mais frios da casa

Quando está frio dentro da nossa casa, o desconforto aumenta e rapidamente procuramos uma solução económica e eficaz. Por vezes, a quantidade de roupa de cama acaba por não ser suficiente para contrariar o frio. Além disso, no mundo do aquecimento do lar há várias opções. Porém, nem sempre é fácil descobrir qual é o aquecedor mais económico.

CFR - PT - TEXT - Ebook 1 - Tendências, estilos e cores

Antes de conhecermos alguns dos aquecedores disponíveis no mercado, devemos ter em conta que escolher o aquecedor mais económico não significa optar pelo aquecedor mais barato. Dependendo das características do produto, um aquecedor pode ser mais caro mas acabar por compensar a longo prazo, por gastar menos energia.

Estará o aquecedor mais económico entre os portáteis?

Os aquecedores portáteis são soluções extremamente práticas para aquecer a casa nos dias mais frios. Entre os equipamentos mais procurados, destacam-se os aquecedores a óleo, a gás e os termoventiladores, cada qual com os seus pontos fortes e fracos:

  • Aquecedor a óleo – Este é um tipo de aquecedor clássico e dos mais indicados para uma divisão média. Entre as principais vantagens, destaca-se o seu custo razoável, a sua fácil deslocação e o facto de não emitir ruído, para além de manter a divisão aquecida de forma homogénea. Porém, as suas fraquezas incidem no seu alto consumo e no tempo de espera até ficar totalmente quente.
  • Aquecedor a gás – Este tipo de aquecedor é o mais recomendado para espaços amplos ou exteriores. As suas vantagens incluem o aquecimento quase imediato, emitindo mais calor do que os restantes aquecedores, sendo quase silencioso. Em contrapartida, é desaconselhado para áreas sem ventilação, tem um consumo mais elevado e é também mais difícil de transportar.
  • Termoventilador – Esta é a solução mais económica do mercado, embora tenha um consumo bastante elevado. As suas principais vantagens são, para além do custo, a facilidade de transporte e o facto de aquecer o espaço rapidamente. As suas fraquezas residem no facto de ter pouco alcance e não manter o calor, sendo recomendado para pequenas divisões, como a casa de banho. Tem ainda o senão de emitir ruído.
Aquecedor mais económico - manta

Além dos aquecedores, não esquecer que as mantas polares também contribuem para o aquecimento

O aquecimento que é um investimento

Dependo do espaço e das necessidades de cada um, por vezes, compensa fazer um investimento inicial maior para manter a casa mais quente. Olhemos para formas de aquecer a casa com aquecedores fixos, tendo em conta as suas vantagens e desvantagens.

Aquecedor mais económico - quartos

Alguns aquecedores não são indicados para quartos

  • Ar condicionado –Esta não é uma solução exclusivamente de aquecimento, mas de regularização da temperatura. Uma das vantagens é poder ser usado o ano todo e não somente no Inverno. Se usado moderadamente, pode contribuir para a qualidade do ar, para além de ser comandado remotamente. Em contrapartida, terá de suportar os custos da instalação e eventuais manutenções.
  • Lareira a lenha Nada como uma lareira para aconchegar num dia frio. As suas vantagens incluem o facto de não haver consumo elétrico e ainda a sua vertente decorativa. Porém, há alguns senãos: terá de suportar os custos da instalação, ter atenção à circulação do ar e limpar a lareira após cada utilização.
  • Salamandras – As salamandras são cada vez mais uma opção, também pela sua vertente estética. Existem vários tipos de combustíveis: lenha, gás ou pellets, este último mais sustentável e limpo. As salamandras têm a vantagem de não produzirem fumo nem fagulhas e a sua limpeza é mais simples do que a das lareiras. Ainda assim, a instalação da salamandra deve ser feita por um profissional e a sua localização está dependente de factores como tomadas e instalações elétricas, para cumprir todas as normas de segurança.

Entre as várias opções, é importante que o aquecedor se adapte às necessidades de cada lar e que cumpra com as recomendações ecológicas e de segurança. Se ainda estás a escolher uma casa ou a construir uma, poderás optar por soluções como o aquecimento central, painéis solares ou caldeiras. Se já estás na fase de decoração, inspira-te com as diferentes tendências!

CFR - PT - POST - Ebook 1 - Tendências, estilos e cores