Como escolher o melhor painel de duche

Como eligir mampara ducha

Se vai fazer obras na casa de banho e substituir a banheira por uma cabine de duche (mais prática, segura e sustentável), deve ter em conta uma série de questões antes da aquisição e da instalação. Hoje, na Conforama, damos-lhe alguns conselhos para ajudá-lo na compra.

Perguntas chave para acertar na compra do seu painel de duche

  • Quais são as medidas ideiais? Cuidado com o tamanho. Não é a mesma coisa um painel para uma cabine pequena, para uma pessoa só, do que um de tipo mais familiar ou indicado para duches com hidromassagem, que precisam de mais amplitude. O painel deve estar adaptado às pessoas que vão usar a cabine regularmente, sobretudo se se trata de pessoas idosas ou crianças – nestes casos, convém contar com elementos de segurança ou apoio.
  • Qual é a forma mais indicada? Depende do espaço de que disponha na sua casa de banho e do tipo de duche que deseje. Como indicávamos no ponto 1, se vai ter torneiras especiais (ex.: hidromassagem), deve prestar atenção ao comprimento, para evitar salpicaduras de água nos modelos destinados ao relax. Quanto mais alto esteja, menor é o risco de que a água sai para fora.
  • Estrutura fixa ou com portas de correr? É um dilema que se resolve prestando atenção ao espaço disponível. Se a sua casa de banho é pequena e tem poucos metros quadrados, colocar uma porta implicaria estorvar a circulação dentro da divisão, a não ser que a porta abra para dentro (ainda assim, a entrada e a saída da cabine complicar-se-iam). Os duches com painéis fixos são ideiais para as cabines cuja finalidade principal é a hidromassagem.
  • Como escolher o mais estético? Embora os gostos sejam muito pessoais, existe a opção mais simple de comprar um painel sem moldura, apenas os vidros ou os ecrãs em acrílico – dependendo do material que escolha -, para que a cabine não fique tão encaixada e a sua casa de banho pareça mais ampla. Além disso, também existem modelos com acabamentos metálicos ou em PVC.
  • Acrílico ou vidro? O vidro é o material mais utilizado. O preço aumenta de acordo com a espessura. O habitual é adquirir painéis de 6 ou 8 mm de espessura em vidro temperado ou de segurança. Este tipo é o mais adequado para evitar acidentes graves (em caso de rutura, o vidro quebra-se em fragmentos pequenos sem partes cortantes). O acrílico, por sua vez, é mais económico, apesar de que atualmente as qualidades deste material têm aumentado. Os painéis de acrílico, tal como os de vidro, também podem ser serigrafados, transparentes ou fumados.